VIVENDO E REFLETINDO

Imagine se você pudesse se observar por um dia. Ver como você trata os outros, principalmente os que estão te servindo, como trata e se relaciona com amigos e colegas de trabalho. Caso isso fosse possível, você ficaria feliz, triste ou envergonhado com o que veria?

Como eu sei que isso não é possível, ao menos que você contrate uma equipe de filmagem, vou mudar a pergunta. Quando você para e se autoavalia, lembra-se de como você age para com as pessoas, suas decisões, e sobre qual é a sua atitude em momentos de pressão, você fica orgulhoso com o que você se lembra ou envergonhado? Ou você nem gasta tempo em pensar em como você é não é visto pelas pessoas

Eu constantemente tento me autoavaliar, paro para pensar em como ajo, como tomo as minhas decisões ou como estou seguindo. Não que eu ligue para as pessoas, e sim porque tenho tentado me aperfeiçoar ao máximo.

Tenho tentado tomar o caminho da relevância, tenho buscado pensar em minhas atitudes entendendo como são e como podem melhorar. Tenho pavor em pensar que estou vivendo no automático, por impulso, sem reflexão. E também em estar vivendo de um modo nocivo, seja para mim, ou para os outros.

Não se trata em tentar ser relevante apenas, e sim, em ser alguém com consciência, que vive de uma forma centrada. Sem comprar brigas inúteis, que não acrescenta nada em minha vida, mas ao mesmo tempo sendo relevante para com o próximo.

Para que o evangelho continue vivo e fazendo diferença, primeiro em nossa vida, depois na vida das outras pessoas, temos que entender em como estamos vivendo. Temos que avaliar nossas atitudes e buscar sempre mudanças.

Por isso aprenda a avaliar o seu dia, escreva um resumo do que fez, e pense se naquele dia você poderia ter agido diferente. Relembre suas ações, reflita sobre as suas decisões e tente perceber se tem vivido por impulso, ou de uma forma racional e coerente.

Viver no automático é perigoso, seguir sem refletir, sem pensar sobre nossas atitudes é nocivo para qualquer um, por isso aprenda a parar e pensar em como você tem sido para com as pessoas e aprenda a mudar.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Você pode usar estas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.