ÓCULOS

Graças a inúmeras invenções, hoje vivemos bem, e estamos vivendo cada vez mais, coisa que não seria possível em tempos antigos. A falta do mínimo, fazia com que uma pessoa vivesse vidas completamente caóticas.

Os óculos são bons exemplos disso, sem óculos, muitos não conseguiam enxergar o mínimo, quem dirá ler e estudar. É possível viver uma vida horrível sem esta invenção, mesmo tendo dinheiro e conforto, com isso, agradeço a Deus e a ciência por este equipamento.

Uma grande lição que eu aprendi nesta minha caminhada é que todos acabam enxergando o mundo através dos seus óculos. Cada ser humano olha os acontecimentos, fatos e conceitos, com os seus pontos de vista. É impossível conseguirmos fazer qualquer reflexão ou tomar qualquer decisão de forma neutra, sem fazer uso de nossas crenças, credos ou formas de pensar, pois está tudo interligado.

A neutralidade é um mito, é quase impossível olharmos o mundo de forma parcial, e por mais que possamos nos esforçar para isso, e é importante as vezes sermos neutros, é impossível sermos assim a todo o tempo. Augustus Nicodemus complementa que:

“Todos nós enxergamos a vida através dos óculos formados por nossas experiências, nossos preconceitos e pressupostos e, acima de tudo, nossas crenças” (NICODEMUS, 2015, 181).

Sendo que a negação deste fato, já evidencia um tipo de óculos, um ponto de vista sobre o assunto, confirmada com a própria negação.

É claro que mundo é muito mais do que nossas crenças, é importante ouvirmos os outros, entendermos a religião do próximo e de onde vem o seu ponto de vista.

Mesmo sendo difícil ser imparcial, temos que tentar olhar o próximo de forma neutra, entendendo assim, a pessoa e seus conceitos, embora eu saiba que isso é difícil, eu também sei que não é impossível, é importante tentarmos. Eu aprendi muito tentando entender o próximo, e percebi que muitos dos meus conceitos e crenças sobre o outro, muitas vezes era equivocado. 

Em minha pós-graduação em Ciências da Religião, descobri muita coisa sobre religiões e crenças que eu tinha opiniões totalmente distorcidas, e aprendi a respeitar aquelas formas de pensar. Pesquisar, se informar, entender certas religiões e formas de pensar, não é concordar. Você pode pesquisar e entender, sem concordar, apenas para saber mais ou quem sabe entender o modo de crer e pensar de nossos amigos.

O mais importante sobre o assunto é ajustarmos sempre os nossos óculos, é estarmos firmados na palavra, para que as nossas lentes não fiquem embaçadas. Por isso, é importante estudar a Bíblia e entendê-la a cada dia. Com boas lentes, enxergamos melhor e com isso todos ganham.

O evangelho é a nossa principal lente, e os ensinos de Cristo, uma prática que deve estar introjetada em nossa vida. Com boas lentes, compreendemos e respeitamos o próximo. Com os óculos da Cristo, entendemos a importância de amar e servir, entre tantas outras lições que a Bíblia nos traz.

Todos nós temos óculos, por isso, cuide do seu, para que assim você possa enxergar o mundo de uma forma muito mais clara e coerente.

BIBLIOGRAFIA

NICODEMUS, Augustus, Polêmicas na igreja: Doutrinas, práticas e movimentos que enfraquecem o cristianismo, Editora Mundo Cristão, São Paulo, 2015.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Você pode usar estas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.