FALTA DE CONHECIMENTO

Sócrates, um dos maiores filósofos de todos os tempos, sustentava a ideia de que o homem pecava por conta da falta de conhecimento:

“Sócrates sustenta que o que faz um homem pecar é a falta de conhecimento, se soubesse, não pecaria. A causa dominante do mal é, portanto, a ignorância. Assim, para alcançarmos o bem, precisamos possuir conhecimento, logo, o bem é conhecimento” (RUSSELL, 2017,p. 66)

Não creio que o que faz o homem pecar seja a falta de conhecimento, contudo, acho que Sócrates tem sim uma pontinha de verdade, afinal, erramos muito por não conhecermos, por sermos ignorantes, principalmente quando falamos da Bíblia.

Continuamente vemos pessoas seguindo falsos ensinos, falsos pastores, por não conhecerem a palavra. É constante cometermos erros, ou conclusões equivocadas, por não termos conhecimento do assunto. Provérbios 10:14 diz justo isso:

“Os sábios acumulam conhecimento, mas a boca do insensato é um convite à ruína”.

Os sábios se informam, buscam conhecer, tentam falar do que eles conhecem, mas o insensato fala somente do que não sabe e o pior, muitas vezes fala como se soubesse, gosto de uma citação que resume bem estes:

Ensine a tua língua a dizer: “não sei!”, caso contrário serás pego dizendo tolices (BONDER, 2010, p. 174)

Tudo começa com a frase não sei, quem acha que sabe de tudo, não sabe. A falta de humildade e de conhecimento faz o indivíduo se considerar alguém fechado, que não precisa mais do saber. Porém o sábio sabe quem é, ele entende que o conhecimento é infinito, e inesgotável, ele sabe que não sabemos e nem vamos saber de tudo, pois o conhecimento é inesgotável.

Eu tenho medo dos que muito falam, tenho receio dos que emitem opinião sem base e coerência aos seus pontos de vista. Quem realmente sabe opina sobre o que conhece, sobre o que tem certeza, agora a pessoa que não sabe, prefere os enganos que uma mente orgulhosa produz.

Falar é fácil, até papagaio fala, agora emitir uma opinião coerente, baseado em bibliografias e estudos, que é o desafio. Por isso se informe e fale do que você realmente sabe. Existem vários caminhos para o aprendizado, basta pormos em prática e nos aprofundar. Quem não se informa vive no escuro, segue opiniões falsas, peca por conta da falta de conhecimento. Agora já quem se informa está sempre aprendendo, revendo seus conceitos, buscando a verdade.

BIBLIOGRAFIA

RUSSEL, Bertrand, História do Pensamento Ocidental, Editora Nova Fronteira, 21. ed, Rio de Janeiro, 2017

BONDER, Nilton, A cabala da inveja, Editora Rocco, Rio de Janeiro, 2010

8 visualizações