VIVENDO DISTRAÍDO

Ler um livro de forma distraída é com certeza empacar em uma página e não sair do lugar. Se você já leu sem se concentrar, você sabe bem do que eu estou falando, é passar os olhos pelas páginas sem reter o conteúdo. É ter que voltar em um dado momento, para assim conseguir entender o texto.

Como muitos sabem, eu gosto muito de ler, gasto muitas horas lendo e escrevendo, a prática já virou um hábito. E uma coisa que eu aprendi lendo e estudando é que não é possível fazer as duas coisas ao mesmo tempo. Ou você se dedica a leitura ou não vai compreender nada do que está lendo. É preciso se concentrar nos estudos para não gastar as suas horas à toa e não ter o seu foco dividido. Quando você faz duas coisas ao mesmo tempo, divide a sua concentração e acaba comprometendo o processo de aprendizagem ou mesmo a compreensão da leitura.

Na vida é igual, não dá para seguir fazendo tudo de uma vez, sem prestar atenção no momento, sem curtir o processo e crescer com ele. Quando seguimos a vida sendo ativistas, nos concentrando mais no fazer, não vemos ela passar e muito menos percebemos os belos detalhes que a caminhada pode nos mostrar. Viver é muito mais do que só fazer, é entender que os momentos não voltam, por isso é importante curtir a cada segundo.

Viver é prestar atenção, e seguir atento a todos os detalhes. Ser realmente feliz não é ter as coisas, e sim é buscar o equilíbrio, entendendo que coisas têm as suas funções, mas não substituem o próprio ato de viver.

Costumo acordar bem cedo, é interessante perceber o silêncio que reina as 4 ou 5 horas da manhã. Nesta quietude eu penso no dia, em Deus e na vida, e em como o tempo passa rápido. Quando as nossas prioridades são coisas, o excesso de atividades nos coloca alheios ao tempo, que passa sem dó, como em um relógio de areia, que deixa escorrer os dias sem piedade alguma.

A questão não é não fazer, e muito menos viver a vida sem sonhos e planos. É legal sonhar e correr atrás das coisas que gostamos. O que eu quero passar para você é “não deixe a vida passar” e acima de tudo, “não se distraia com as coisas que roubam o seu tempo”.

É preciso parar as vezes, reavaliar nossas escolhas, e ver se não estamos gastando tempo a toa. Dinheiro algum e carreira alguma, valem a vida, os momentos simples, o tempo com quem amamos.

Por isso não viva distraído, aprenda a ver, a perceber e a escolher as coisas com sabedoria. Pois o tempo passa e corre o risco de você perceber isso apenas no final de sua caminhada, quando já for tarde demais.  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Você pode usar estas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.