FALSOS PONTOS DE VISTA

“Se uma palavra da Bíblia me aborrece, isso revela sempre que, neste caso, tenho um ponto de vista falso de mim e de Deus. O aborrecimento é, no entanto, também um desafio para trabalhar no meu ponto de vista e permitir que as Escrituras me ofereçam uma outra compreensão de mim mesmo” (GRÜN, 2016, p. 108).

Não foi fácil, quando eu comecei a estudar a Bíblia, ter que lidar com alguns ensinos, mensagens e textos que me exortavam e me levava a olhar para a minha vida, minhas atitudes e meus pontos de vista. Alguns textos eram como remédio na feria, doía muito, mas como o bom remédio, ele também me curava.

É normal vermos cristãos passando de largo de algumas passagens bíblicas, ou tentando arranjar justificativas para tais textos. Ler a palavras de Deus pinçando apenas o que nos apraz, é fácil. Agora, ser honesto, e encarar os ensinos da palavra com seriedade, lendo, aceitando a confrontação e depois, buscando em Deus a mudança, já são outros quinhentos.

A palavra de Deus não contém apenas versos de ânimo ou alegria, ela também perscruta a nossa vida, nos mostra quem somos, e nos convida a uma vida de mudança. Deus, como um bom Pai, não só nos acalenta e nos dá forças em meio aos problemas. Mas também nos ensina, e nos mostra como é importante seguir no caminho da verdade.

Quando a Bíblia te aborrecer, aprenda a olhar para a sua vida. Reflita e pense se você não tem algo errado. Quando algo nos incomoda, é possível por trás de todo o incômodo, vermos um problema que precisa ser tratado. Logo, o aborrecimento é uma ferramenta, é aquela dor que sinaliza que tem algo errado em nosso corpo, no obrigando a buscar a cura.

Não é incomum termos pontos de vistas equivocados sobre nós, esqueletos que escondemos e procuramos nunca mencionar. A questão é que a mudança só acontece quando encaramos de frente, e buscamos transformação, tendo como suporte Deus e o seu soberano poder.

As escrituras são as palavras de um Deus que oferece a todos uma vida equilibrada. É um desafio seguir o evangelho, mas é gratificante estar no centro da sua palavra, mesmo que em alguns momentos tenhamos que lidar com coisas desagradáveis em nossa vida. O que nos incomoda, nos força a mudar, e nos obriga a entendermos quem somos, para depois, seguirmos assim a vontade de Deus. Não fuja dos textos que te aborrecem, mergulhe no ensino e tente entendê-lo por completo. Se algo o incomoda, é porque precisa ser pensado e tratado.

A Bíblia não é como uma caixinha de promessas, onde você só encontra textos sistematicamente selecionados, para afagar o seu ego. Ao contrário, ela é muitas vezes um remédio amargo, que arde e em alguns casos, acaba trazendo dor, mas que no final vai curar e restaurar a sua vida por completo. Por isso, não perca a chance de mudar mesmo sendo difícil.

Leia e medite na palavra, e se permita ser tratado por Deus.

BIBLIOGRAFIA

GRÜN, Anselm, Ser uma pessoa inteira, Editora Vozes, Rio de Janeiro, 2016.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Você pode usar estas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.